• INÍCIO
  • CONTATO
  • MÍDIA KIT
  • ANUNCIE NO BLOG
  • COMENTÁRIOS
  • MAPA DO BLOG
  • terça-feira, 25 de agosto de 2015

    50ª Reunião do CONDETUR discute como fomentar o Destino Brasília




    50ª Reunião do Conselho de Desenvolvimento do Turismo discute como fomentar o Destino Brasília

    Ministério do Turismo sugere o aproveitamento da audiência das Olimpíadas para vender cidades do Brasil para o mundo

    A 50ª Reunião Ordinária do Conselho de Desenvolvimento do Turismo do Distrito Federal (CONDETUR), no Hotel Base, na manhã desta terça-feira (25/8), juntou representantes do Trade Turístico para discutir temas como oportunidades geradas pelas Olimpíadas 2016, arrecadação do Fundo de Fomento à Indústria do Turismo (Fitur), projetos Brasília nos Parques e Virada do Cerrado, da Secretaria do Meio Ambiente, captação de eventos e promoção do Destino Brasília, com foco em fomento para o turismo da capital.

    O representante do Ministério do Turismo, Yun Yamamoto, apresentou as principais ações para a promoção do destino Brasil durante as Olimpíadas de 2016. Elas se iniciam com esforços de comunicação para que mensagens cheguem aos interessados e motivem viagens, através da propagação do país pelo mundo. “Gostaríamos muito de aproveitar a audiência dos jogos olímpicos para trabalhar uma campanha integrada”, afirmou. Outras ações previstas pelo Ministério do Turismo são qualificação de pessoal, infraestrutura e turismo responsável, que inclui melhorias na acessibilidade.

    Yamamoto falou também do revezamento da Tocha Olímpica, que percorrerá 20 mil km e voará 10 mil milhas pelo país. Ela vai percorrer mais de 300 municípios, em todas as regiões do Brasil. Apenas 83 cidades terão a oportunidade de permanecer com a tocha por uma noite. Com ponto de partida em Brasília, ainda em maio, a chama olímpica terminará sua jornada no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, na cerimônia de inauguração dos Jogos no dia 5 de agosto de 2016. “Com certeza Brasília é um destino privilegiado e tudo o que for produzido, vamos replicar em conjunto. A capital será a cidade do futebol e vai requerer esforços para manter este título”, concluiu.

    O Presidente de Honra do Conselho, Henrique Severien, aprovou a explanação do representante do Ministério do Turismo: “É interesse de todos os conselheiros entender as oportunidades que as Olimpíadas vão oferecer”.

    O Secretário Adjunto da Secretaria do Meio Ambiente, Carcius Santos, apresentou os programas Brasília nos Parques e Virada do Cerrado, que pretendem promover os 73 parques urbanos da cidade para a convivência da população, com maior oferta de esportes e lazer. A Virada do Cerrado, inspirada na Virada Sustentável, consolidada em São Paulo como importante programação na agenda da cidade, vai acontecer durante três dias do mês de setembro e tem como foco sustentabilidade ambiental. “Acreditamos que este tema pode elevar o cerrado ao patamar que ele merece”, comentou Carcius.

    Os participantes da reunião tomaram conhecimento dos assuntos debatidos atualmente pelas câmaras temáticas.  Há uma que trata da alteração do Fundo de Fomento à Indústria do Turismo (Fitur). Outra se ocupa da captação de eventos para a cidade. Uma terceira, da promoção do Destino Brasília. Para a conselheira Beatriz Borges, é preciso ampliar a base de arrecadação do Fitur com a ampliação da cadeia produtiva do setor. Ela alerta para os benefícios que advirão da assinatura do acordo de cooperação técnica entre a Câmara Temática do Condetur e o UniCeub, no último 30 de junho. O resultado será a análise da atual forma de arrecadação do Fitur.

    De acordo com o secretário de Turismo, Jaime Recena, o Fitur é uma forma de arrecadar dinheiro para fomentar o turismo de Brasília. “A nossa pretensão é aumentar a base de incidência do fundo, como ocorre hoje com leis de incentivo”, afirma. O fundo de fomento, criado em 2007, visa dar suporte e incentivar projetos apoiados pelo Condetur. Atualmente, o modelo de arrecadação é aplicado exclusivamente sobre ICMS de bares, restaurantes e similares e empresas preparadoras de refeições coletivas com a opção de regime simplificado de tributação (Lei 3.982/2007).

    A promoção do Destino Brasília, tema apresentado pela conselheira Cláudia Maldonado, sugere uma campanha "Brasília para os brasilienses". De acordo com Cláudia, que é a representante da Associação dos Dirigentes de Vendas e Marketing do Brasil (ADVB DF),  o próximo passo seria a elaboração de um briefing que vai alavancar a campanha de sensibilização e valorização, atrelada a uma proposta de comercialização da Capital Federal. “Primeiro sensibilizamos e depois mobilizamos. Queremos que os representantes de todos os segmentos participem e apresentem os roteiros que forem criados”, conclui Maldonado.

    O Secretário Adjunto da Secretaria de Turismo, Rodrigo Sá, lembrou que já existe um projeto Destino Brasília, que foi entregue ao governador Rodrigo Rollemberg. “O projeto existe baseado em grandes ações de pesquisas, é prioridade do plano de governo e pode ser usado como pano de fundo. A responsabilidade de implementação é da Secretaria de Turismo”, concluiu.

    Antes de encerrar a reunião, o presidente do Brasília Convention & Visitors Bureau e  Presidente de Honra do Condetur, Henrique Severien, foi reeleito para ficar á frente da presidência por mais quatro meses.




    -- 
    ASCOM - SETUR
    (61) 3214-2742 / 3214-2734
    secturdf.imprensa@gmail.com 


    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    imagem-logo
    © Blog do CHIQUINHO DORNAS 2012/2016 Todos os direitos reservados.