• INÍCIO
  • CONTATO
  • MÍDIA KIT
  • ANUNCIE NO BLOG
  • COMENTÁRIOS
  • MAPA DO BLOG
  • domingo, 27 de dezembro de 2015

    À QUEIMA-ROUPA: Igor Tokarski, secretário adjunto de Relações Institucionais do GDF

                       Igor Tokarski, secretário adjunto de Relações Institucionais do GDF

    Qual é o seu balanço da relação do governo com a Câmara Legislativa em 2015?
    Faço um balanço bastante positivo. Os deputados distritais tiveram uma participação muito colaborativa e entenderam a importância da agenda do governo, necessária para que pudéssemos minimizar a crise orçamentária e financeira.

    Qual foi a maior vitória do governo na Câmara este ano?
    A nossa grande vitória foi a aprovação de projetos importantes para garantir o pagamento em dia do salários dos servidores. Também tivemos a colaboração dos deputados para aprovar proposições que garantiram o incremento da nossa receita para o ano que vem.

    E qual foi a grande derrota?
    Não diria que houve derrota. Em alguns casos, não foi possível atingir a maturação para aprovação de projetos, como foram os casos do IPTU e da TLP, por exemplo.

    A Câmara Legislativa atrapalha ou ajuda o governo?
    O que existe é uma relação bastante respeitosa, no sentido do respeito à independência dos poderes. Temos uma relação de diálogo aberto com os deputados, uma relação permanente, transparente e responsável. Tanto o governo quanto a Câmara estão imbuídos na elaboração de uma agenda para a cidade e para a população.

    Quais serão os projetos de lei prioritários para o governo em 2016?
    Este é o momento de fazermos uma avaliação geral de todas as áreas para definirmos as prioridadades e para elaborarmos a agenda legislativa. Mas com certeza projetos como o PPCUB (Plano de Preservação do Conjunto Urbanístico de Brasília) e a Lei de Uso e Ocupação do Solo terão prioridade, porque são muito importantes para a população.

    A base aliada está unida? A chegada de um deputado do PSB (Roosevelt Vilela) beneficiou o governo?
    Acredito que a base tem sido bastante colaborativa com os projetos. Quanto ao Joe Valle, ele é um parceiro do governo, tanto que está hoje em uma secretaria. O deputado Roosevelt carrega com ele a marca de ser do mesmo partido do governador, mas os dois ajudam bastante.


    Fonte: Ana Maria Campos – “Coluna Eixo Capital” – Correio Braziliense – Foto/Ilustração: Blog - Google

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    imagem-logo
    © Blog do CHIQUINHO DORNAS 2012/2016 Todos os direitos reservados.