• INÍCIO
  • CONTATO
  • MÍDIA KIT
  • ANUNCIE NO BLOG
  • COMENTÁRIOS
  • MAPA DO BLOG
  • domingo, 20 de dezembro de 2015

    Final de ano em Brasília: Um Guia para explorar a capital federal

    Santuário Mãe Três Vezes Admirável

    Sobram alternativas para quem servirá de guia ou está na cidade para conhecê-la pela primeira vez. De monumentos assinados por Oscar Niemeyer a azulejos de Athos Bulcão, Brasília tem muito a oferecer em termos de história, cultura e lazer
    Em época de Natal e ano-novo, muitos brasilienses recebem parentes e amigos que nunca vieram a Brasília ou conhecem pouco da capital federal. Nesses momentos, começam as dúvidas de onde ir, do que fazer e do que estará aberto. Fora isso, há muito para descobrir por trás dos monumentos brancos da cidade-sonho de Juscelino Kubitschek. Também é possível ir além dos eixos e das tesourinhas e explorar lugares e visões de um Planalto Central pouco falado nos guias de turismo.

    O Santuário Mãe Três Vezes Admirável ou Santuário Tabor da Esperança é um desses exemplos. “Tabor significa onde é bom de estar e onde acolhe”, esclarece a irmã Adriane Maria Andrade Barbosa. O local fica ao lado da Torre de TV Digital, em Sobradinho. Além de conhecer mais sobre o Movimento Apostólico de Schoenstatt, que começou na Alemanha e veio para o Brasil em 1935, a igreja é delicada, com uma estrutura pequena e acolhedora. O espaço ao redor, como a definição de tabor diz, é bom de estar. Renova as energias e tem uma vista privilegiada da cidade. Com certeza, é possível passar mais de uma hora no lugar e ainda sair com vontade de voltar.

    “Aqui, é tudo carregado desta energia histórica. Enquanto caminhávamos na Esplanada dos Ministérios, paramos para tirar uma foto e fiquei pensando quantos fatos estão em torno desta cidade”, comenta a administradora de empresa Graciosa Segal, 37 anos. Ela e o marido, Fabiano Segal, 40 anos, vieram para uma festa de família e tiraram dois dias para visitar a capital. “Primeiro, saímos para entender como Brasília funciona. A lógica da cidade, as siglas, as ruas e avenidas”, explica Fabiano. Depois, sem mapa ou GPS, foram conhecer a Praça dos Três Poderes, o Congresso e o Lago Paranoá. “Achamos o pessoal bem atencioso para nos informar e nos atender”, acrescenta. “Senti falta apenas de ter alguém para explicar a história e as curiosidades dos lugares para quem não vem em grupo”, pondera Graciosa.

    Apesar dos espaços poucos explorados, é inevitável fugir dos lugares comuns ao falar de turismo na cidade de Oscar Niemeyer e Lucio Costa. “Os espaços verdes e a arquitetura foram o que mais gostei e o que mais me chamaram a atenção”, revela o norte-americano James Tuttle, 66 anos. Enquanto aguardavam o horário do voo de volta para os Estados Unidos, ele e a mulher, a brasileira Rita Tuttle, 52, aproveitaram para visitar a parte mais famosa de Brasília: a Esplanada dos Ministérios. “Também fiquei encantado com o interior da Catedral”, admite James. Rita é mineira e mora há mais de 10 anos nos EUA. “Como brasileira, vir aqui, para mim, é algo muito importante e significativo”, comenta. A seguir, confira algumas dicas de turismo brasiliense e o que funciona em cada lugar:


    City tour

    Quartel-General do Exército Auditório e Teatro Pedro Calmon

    Horário de visita: sexta-feira, das 13h às 16h; e sábado, domingo e feriados, das 10h às 16h
    Informações: (61) 3415-4184
    Banheiro: sim
    Lanchonete/restaurante: não
    Estacionamento: sim

    Monumento Duque de Caxias/ Cúpula da Espada de Caxias
    Horário de visita: aberto 24h
    Fique de olho: projeto arquitetônico de Oscar Niemeyer. A estrutura em concreto, uma espécie de concha, simboliza o punho da espada de Duque de Caxias
    Banheiro: não
    Lanchonete/restaurante: não
    Estacionamento: sim
    Horário de visita: de terça a domingo, das 9h às 18h
    Informações: (61) 3225-9451
    Banheiro: sim
    Lanchonete/restaurante: sim
    Estacionamento: sim
    Visitação guiada: sim
    Loja de suvenires: sim
    Memorial JK
    Horário de visita: de terça a domingo, das 9h às 18h
    Informações: (61) 3225-9451

    Banheiro: sim
    Lanchonete/restaurante: sim
    Estacionamento: sim
    Visitação guiada: sim
    Loja de suvenires: sim


    Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha
    Horário de visita: sábado, das 9h às 11h, para grupo de 50 pessoas
    Enviar e-mail para verificar se na data o estádio estará aberto para visitação: nb.visita@ctour.df.gov.br
    Informações: (61) 3214-2728
    Banheiro: sim
    Estacionamento: sim
    Lanchonete/restaurante: não
    Visitação guiada: sim

    Museu Nacional Honestino Guimarães
    Horário de visita: de terça a domingo, das 9h às 18h30
    Informações: (61) 3325-5220 ou (61) 3325-6410 ou
    museunacional@gmail.com
    Banheiro: sim
    Lanchonete/restaurante: não
    Estacionamento: não
    Visita guiada: não

    Biblioteca Nacional
    Leonel Brizola
    Horário de visita: de segunda a sexta-feira, das 8h às 19h45; e sábado e domingo, das 8h às 14h
    Informações: (61) 3325-6257
    Banheiro: sim
    Lanchonete/restaurante: não
    Estacionamento: não
    Visitação guiada: sim*
    * Agendar pelo telefone ou encaminhar um e-mail para bnb@bnb.df.gov.br


    Planetário de Brasília
    Horário de visita: de segunda a sexta, das 8h às 21h; e sábado e domingo, das 8h às 20h
    Sessões da cúpula*: segunda a sexta, às 17h30 e às 19h; sábado e domingo: às 10h, 11h, 14h, 15h, 16h30, 17h30 e 18h30
    Informações: (61) 3361-6810
    Banheiro: sim
    Lanchonete/restaurante: não
    Estacionamento: sim

    * Para assistir aos filmes, é preciso levar 1kg de alimento não perecível por pessoa. As sessões só ocorrem se houver um público mínimo de 10 pessoas

    Quadra 308 Sul
    Fique de olho: projeto paisagístico de Burle Marx, diferentes azulejos e cobogós típicos de Brasília

    Catedral Metropolitana
    Nossa Senhora Aparecida
    Horário de visita: de terça a domingo, das 12h às 17h
    Informações: (61) 3224-4073
    Fique de olho: vitrais coloridos da francesa Marianne Peretti; painel em cerâmica de Athos Bulcão no batistério; representação da via sacra pelo pintor Di Cavalcanti; e primeira réplica milimetricamente igual à imagem da Pietá, do italiano Michelangelo
    Banheiro: sim
    Lanchonete/restaurante: não
    Estacionamento: sim
    Visitação Guiada: não
    Loja de suvenires: sim

    Palácio Itamaraty
    Horário de visitação: de segunda à domingo e feriados, das 9h às 17h*
    Fique de olho: jardim aquático desenhado por Burle Marx, com a escultura O Meteoro, de Bruno Giorgi; painéis decorativos de Athos Bulcão, Rubem Valentim, entre outros artistas; afresco de Alfredo Volpi; pinturas históricas como O Grito do Ipiranga, de Pedro Américo; obras de Cândido Portinari, Alfredo Ceschiatti, entre outros.
    Banheiro: sim
    Lanchonete/restaurante: não
    Estacionamento: não
    Visitação Guiada: sim
    * Visitas guiadas de hora em hora. Não é possível fazer passeio livre. Para agendar, ligar para (61) 2030-8051 ou enviar um e-mail para visita@itamaraty.gov.br

    Paróquia Militar do Oratório do Soldado
    Horário de visita: de segunda a sexta, das 8h às 17h; e sábado e domingo, das 9h às 19h
    Informações: (61) 3225-3671
    Banheiro: sim
    Lanchonete/restaurante: não
    Estacionamento: sim

    Museu da Cidade
    Horário de visita: de terça a domingo e feriados, das 9h às 18h
    Informações: (61) 3325-6244
    Banheiro: não
    Lanchonete/restaurante: não
    Estacionamento: sim

    Supremo Tribunal Federal
    Horário de visita: sábado, domingo e feriados, das 10h às 15h30
    Informações: (61) 3217-4063
    Fique de olho: obras de artes, objetos de ex-ministros e escultura A Justiça, de Alfredo Ceschiatti
    Banheiro: sim
    Lanchonete/restaurante: não
    Estacionamento: sim
    Visitação guiada: sim

    Complexo da Torre de TV de Brasília
    Horários de visita
    Mezanino: de terça a domingo, das 9h às 20h
    Mirante: de terça a domingo, das 9h às 19h
    Feira de artesanato: de terça a quinta, das 9h às 17h; de sexta a domingo, das 9h às 18h
    Fonte Luminosa: de terça a sexta, das 18h30 às 20h, ininterruptamente; sábado, domingos e feriados, das 10h30 às 17h30 a cada 40 minutos (das 13h10 às 14h30 fica desligada)
    Fique de olho: projeto de Lucio Costa, feira de artesanato, mirante a 75m de altura
    Banheiro: sim
    Lanchonete/restaurante: sim
    Estacionamento: sim

    Espaço Lucio Costa
    Horário de visita: de terça
    a domingo, das 9h às 18h
    Informações: (61) 3325-7597
    Banheiro: sim
    Lanchonete/restaurante: não
    Estacionamento: sim

    Panteão da Pátria e da Liberdade Tancredo Neves
    Horário de visita: de terça a domingo, das 9h às 18h
    Informações: (61) 3323-3728
    Fique de olho: vitrais de Marianne Peretti; mural de Athos Bulcão; e painel sobre a inconfidência mineira, de João Câmara
    Banheiro: sim
    Lanchonete/restaurante: não
    Estacionamento: sim

    Palácio do Jaburu
    Horário de visita: quarta, das 15h às 17h
    Informações: (61) 3411-2440 ou http://www2.planalto.gov.br/presidencia/palacios-e-residencias-oficiais/visitas
    Fique de olho: obras de Marianne Peretti e de Athos Bulcão
    Palácio da Alvorada
    Horário de visita: quarta,
    das 15h às 17h
    Informações: (61) 3411-2317 ou http://www2.planalto.gov.br/presidencia/palacios-e-residencias-oficiais/visitas
    Fique de olho: obras de Athos Bulcão, Victor Brecheret e Alfredo Ceschiatti. Não deixe de jogar uma moeda no espelho d’água antes de ir embora e fazer um pedido


    Santuário Dom Bosco
    Horário de visita: de segunda a sábado, das 7h às 20h; domingo, das 7h30 às 20h
    Informações: 3223-6542
    Fique de olho: vitrais e lustre formados por 7,4 mil peças de vidro de Murano, na Itália. Projeto de Cláudio Naves e peças do artista plástico belga Hubert Van Doorne
    Banheiro: sim
    Lanchonete/restaurante: não
    Estacionamento: sim

    Igrejinha Nossa Senhora de Fátima
    Horário de visita: segunda, das 8h às 17h; de terça a sexta, das 8h às 19h; sábado, das 8h às 12h e das 15h às 20h; e domingo, das 7h às 12h15 e das 16h às 22h
    Fique de olho: painel de
    Athos Bulcão
    Banheiro: sim
    Lanchonete/restaurante: não
    Estacionamento: sim

    Catedral Militar Rainha da Paz
    Horário de visita: diariamente, das 8h às 22h
    Fique de olho: projeto do arquiteto Oscar Niemeyer, de 1991
    Informações: (61) 3323-3858
    Banheiro: sim
    Lanchonete/restaurante: não
    Estacionamento: sim

    Catetinho
    Horário de visita: de terça a domingo, das 9h às 17h
    Informações: (61) 3338-8803
    ou (61) 3386-8167
    Banheiro: sim
    Lanchonete/restaurante: não
    Estacionamento: sim

    Palácio do Planalto
    Horário de visita: domingo, das 9h30 às 14h
    Informações: (61) 3411-2042
    Banheiro: sim
    Estacionamento: sim
    Lanchonete/restaurante: não
    Visitação guiada: sim

    Museu Vivo da Memória Candanga
    Horário de visita: de segunda a sábado, das 9h às 17h
    Informações: (61) 3301-3590
    Fique de olho: fotografias de Mário Moreira Fontenelle, primeiro
    fotógrafo oficial de Brasília, Peter Scheir e Joaquim Paiva
    Banheiro: sim
    Lanchonete/restaurante: não
    Estacionamento: sim

    Jardim Botânico de Brasília
    Horário de visita: de terça a
    domingo, das 9h às 17h
    Entrada: R$ 5
    Informações: http://www. jardimbotanico.df.gov.br/
    Fique de olho: no fim de semana vale, a pena desfrutar de um
    delicioso café da manhã no local
    Banheiro: sim
    Lanchonete/restaurante: sim
    Estacionamento: sim

    Deck da Asa Norte
    Horário de visita: aberto 24h
    Fique de olho: dá para andar de
    caiaque ou pedalinho, praticar sup ou aproveitar o Lago Paranoá
    Banheiro: sim
    Lanchonete/restaurante: sim
    Estacionamento: sim

    Ermida Dom Bosco
    Horário de visita: todos os dias, das 8h às 22h
    Informações: (61) 3367-4505
    Fique de olho: vista privilegiada da cidade
    Banheiro: sim
    Lanchonete/restaurante: sim
    Estacionamento: sim

    Mosteiro de São Bento de Brasília
    Horário de visita: todos os dias, das 9h às 17h
    Informações: (61) 3367-2949
    Banheiro: sim
    Lanchonete/restaurante: não
    Estacionamento: sim
    Loja de artigos religiosos


    Fonte: Roberta Pinheiro – Fotos: Helio Montferre-Esp-CB/D.A.Press –Breno Fortes/CB/D.A.Press – Antonio Cunha-Esp/Correio/D.A-Press – Zuleika de Sousa/CB/D.A.Press – Correio Braziliense

    Um comentário:

    1. Amei. Muito fofo o seu blog. Muitos brasilienses alegam que aqui não há nenhum lugar bom para passear. Você mostra que não é assim. Brasília é linda. É única. Vale muito à penas sair da toca e dar um giro por aí. Parabéns, Chiquinho Dornas. Aliás, me lembro de você desde os tempos em que fomos vizinhos no anexo 2, do Lago. Faz teeeempo!

      ResponderExcluir

    imagem-logo
    © Blog do CHIQUINHO DORNAS 2012/2016 Todos os direitos reservados.