• INÍCIO
  • CONTATO
  • MÍDIA KIT
  • ANUNCIE NO BLOG
  • COMENTÁRIOS
  • MAPA DO BLOG
  • terça-feira, 1 de dezembro de 2015

    ​Secretária de Saúde do DF planeja reforma para o hospital do Guará

    Técnicos da pasta estudam como serão feitas as intervenções; Atendimento segue normalizado

    Para melhorar o atendimento à população, a Secretaria de Saúde está tomando medidas para viabilizar uma reforma no Hospital Regional do Guará. A decisão da pasta leva em consideração as condições de conservação da edificação, que foi inaugurada em 1992. Atualmente, há uma equipe terminando os estudos técnicos e, portanto, a pasta esclarece que nenhuma especialidade terá o atendimento suspenso.
    Durante os últimos dias, especialistas da secretaria - entre eles representantes da Diretoria de Vigilância Sanitária (Divisa) - fizeram vistorias em diversas áreas da unidade de saúde e constataram alguns problemas, como elétricos, hidráulicos e na rede de esgoto, que apareceram ao longo dos anos e precisam ser corrigidos.

    Diante deste cenário, a pasta está analisando quais locais deverão ter intervenções primeiramente, e como elas serão feitas, a partir da elaboração de um cronograma de execução. Na pediatria, por exemplo, onde são atendidas aproximadamente 100 crianças por dia, estuda-se a possibilidade de uma reforma parcial ou total, que deverá ser definida nos próximos dias.
    Caso a obra inviabilize o atendimento ao público, haverá transferência do serviço e dos profissionais das especialidades para outras unidades de saúde do Distrito Federal. Este remanejamento será realizado de acordo com o fluxo de atendimentos e o déficit de profissionais nas emergências regionais.
    De acordo com a Coordenação de Pediatria da rede, nesta semana haverá reunião para discutir estratégias e fazer um estudo do fluxo de pacientes, recursos humanos e quantidade de atendimentos realizados no HRGu. Se houver realmente a necessidade de uma intervenção total na ala pediátrica no Guará, estuda-se a pactuação entre outras unidades de grande porte, como por exemplo, o Hospital Regional da Asa Norte (Hran) e o Hospital Materno Infantil de Brasília (Hmib).
    “O objetivo do remanejamento de profissionais, se houver, é garantir a assistência ao usuário de todas as regionais e não só à população do Guará. Para isso, um estudo minucioso está sendo feito, em conjunto com unidades parceiras, para elaborar a melhor estratégia no atendimento, levando em consideração todas as deficiências da rede, de maneira que nenhum usuário fique desassistido”, explicou a coordenadora de Pediatria, Carmem Lívia Martins.  
    Além da Coordenação de Pediatria da rede, outras áreas como a Subsecretaria de Gestão do Trabalho e da Educação em Saúde (Sugetes), Diretoria de Assistências a Urgências e Emergências (Diure) e Subsecretaria de Atenção à Saúde (SAS) estão trabalhando neste estudo.
    SERVIÇO – A Secretaria de Saúde conta com 621 pediatras. Destes, 16 estão lotados no Hospital Regional do Guará e possuem baixíssimo índice de absenteísmo. A unidade com 13 especialidades médicas.​


    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    imagem-logo
    © Blog do CHIQUINHO DORNAS 2012/2016 Todos os direitos reservados.