• INÍCIO
  • CONTATO
  • MÍDIA KIT
  • ANUNCIE NO BLOG
  • COMENTÁRIOS
  • MAPA DO BLOG
  • quarta-feira, 6 de janeiro de 2016

    Governador apresenta nova secretária da Segurança Pública e da Paz Social

    Márcia de Alencar Araújo deixa a Subsecretaria de Segurança Cidadã e assume o comando da pasta. Também foram anunciados o novo comandante-geral da Polícia Militar, coronel Marcos Antônio de Oliveira Nunes, e o subcomandante-geral, coronel Marcos de Araújo

    O governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, anunciou mudanças dos dirigentes que integram a estrutura da segurança pública do Distrito Federal. Assume a liderança da Secretaria da Segurança Pública e da Paz Social a pernambucana Márcia de Alencar Araújo, que ocupava o cargo de subsecretária de Segurança Cidadã da pasta. Ela substitui Isabel Seixas, interina na função desde novembro de 2015. Para secretário-adjunto foi nomeado o coronel José Cláudio de Siqueira Carvalho, da Subchefia de Operações de Segurança, da Casa Militar.
    A Polícia Militar do Distrito Federal também sofreu reestruturações no comando. O então subcomandante-geral, coronel Marcos Antônio de Oliveira Nunes, assume o comando-geral da corporação no lugar do coronel Florisvaldo Ferreira César. O novo subcomandante-geral é o coronel Marcos de Araújo, comandante da Academia de Polícia Militar do Distrito Federal.
    "Graças à integração das forças de segurança com a sociedade conseguimos avançar na redução dos indicadores de violência em 2015", avaliou o governador, em referência às ações do programa Viva Brasília — Nosso Pacto pela Vida. "Esses profissionais vão fortalecer nossa política e nossa relação com a comunidade", afirmou Rollemberg, durante o anúncio no Palácio do Buriti.
    "Queremos uma polícia cidadã, que seja referência para o Brasil", disse o governador. De acordo com ele, é essencial que as políticas de prevenção, como aquelas voltadas para os jovens, sejam cada vez mais incentivadas no Distrito Federal. Rollemberg aproveitou a solenidade para agradecer aos antigos titulares. "Somos muito gratos pela dedicação e pelo compromisso, mas entendemos que essa é a melhor formação para continuarmos avançando", concluiu.
    A nova secretária da Segurança Pública e da Paz Social, Márcia de Alencar Araújo, disse estar honrada em assumir o posto e que trabalhará para que o setor tenha uma articulação intensa com a sociedade civil. "O desafio de qualquer gestor é ter habilidade para conciliar a autonomia da função com o diálogo amplo com a população", afirmou. Segundo a titular, o compromisso daqui para a frente será manter a integração entre todas as áreas da segurança, como previsto no Viva Brasília, prevenir a violência e a desordem e garantir, acima de tudo, a cidadania e os direitos humanos.
    Também esteve no anúncio o diretor-geral da Polícia Civil do Distrito Federal, Eric Seba de Castro, e o chefe do Estado-Maior do Subcomando-Geral da Polícia Militar, coronel Leonardo Sant’Anna.
    Conheça o perfil dos novos titulares

    Márcia de Alencar Araújo — secretária da Segurança Pública e da Paz Social 
    Tem 50 anos e nasceu em Timbaúba (PE). É psicóloga e bacharel em direito. Também é mestre em psicologia com formação psicanalítica e em gestão pública. Foi consultora do Ministério da Justiça em alternativas penais e da Organização das Nações Unidas em prevenção e justiça criminal em Moçambique. Integrou a coordenação-executiva da Conferência Nacional de Segurança Pública com Cidadania, o comitê executivo do Pacto pela Vida, em Pernambuco, e atuou no Programa Nacional de Segurança com Cidadania. Foi ainda secretária-executiva de Segurança Cidadã de Jaboatão dos Guararapes (PE).

    Coronel Marco Antônio de Oliveira Nunes — comandante-geral da PM
    Mestrando em ciência política, é pós-graduado em direito penal, direito processual penal e docência do ensino superior e fundador do Instituto Superior de Ciências Policiais. É bacharel em direito e em segurança pública, especialista em ciências policiais e estratégia em segurança pública. Na corporação, ocupou os cargos de chefe da Assessoria Parlamentar da PMDF, foi secretário-geral, chefe do Centro de Inteligência, chefe do Estado-Maior e subcomandante-geral.

    Coronel Marcos de Araújo — subcomandante-geral da PM
    É doutor em ciência jurídica e social, mestre em ciência política e pós-graduado em direito. Foi corregedor-adjunto, diretor de Recrutamento e Seleção, diretor de Promoção, Avaliação e Desempenho da Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF), além de ter comandado o Batalhão Escolar. Idealizou e coordenou o projeto Anjos Parceiros da PMDF para estratégias de enfrentamento da violência sexual contra crianças e adolescentes. Foi consultor colaborador na Secretaria Especial de Políticas Públicas de Promoção da Igualdade Racial, da Presidência da República, e preside o Grupo de Trabalho de Segurança Pública e Promoção da Igualdade Racial, da PMDF. O último cargo que ocupou foi o de comandante da Academia de Polícia Militar do Distrito Federal.


    Por: Gabriela Moll, da Agência Brasília - Foto: Mary Leal/Agência Brasília

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    imagem-logo
    © Blog do CHIQUINHO DORNAS 2012/2016 Todos os direitos reservados.