• INÍCIO
  • CONTATO
  • MÍDIA KIT
  • ANUNCIE NO BLOG
  • COMENTÁRIOS
  • MAPA DO BLOG
  • sábado, 19 de março de 2016

    Praça da Paz é inaugurada no Parque da Cidade

    Espaço com 158 mudas de ipês-brancos pretende incentivar a discussão e prática de valores. Governador participa de evento com música, esporte e diversão na manhã deste sábado (19) 

    Na praça de 26,4 mil metros quadrados, algumas árvores já alcançam os dois metros de altura. Quando adultas, elas vão ultrapassar a marca dos dez. Mas mesmo sem os troncos imponentes e as copas brancas para enfeitar o local, o simbolismo já está plantado. Isso porque foi inaugurada na manhã deste sábado (19), no Estacionamento 7 do Parque da Cidade, a Praça da Paz, a primeira de quatro que integram o projeto Brasília Capital do Ipê, que criará espaços com a árvore em cores e locais diferentes do DF.

    As 158 mudas de ipês-brancos espalhadas pela praça começaram a ser plantadas no início deste ano. As dez últimas foram colocadas hoje, com a ajuda do governador Rodrigo Rollemberg.

    Segundo o chefe do Executivo local, o intuito do projeto é incentivar a discussão e a prática dos valores-temas das quatro praças — paz, cidadania, respeito e amor. "A paz é um conceito símbolo, pois possibilita o amor, o respeito e valoriza a diversidade. E é disso que nossa cidade está precisando." Quanto à escolha do ipê, Rollemberg defende que a árvore "representa bem a causa, pois floresce no alto da dificuldade, lindo e exuberante."

    "Brasília é uma cidade-sonho. Nasceu do sonho de Dom Bosco e hoje é sonho de cada um que vive aqui. A Praça da Paz foi criada com o intuito de reunir essas pessoas e se tornar patrimônio da cidade", afirmou o vice-presidente de Criação do Digital Group, Wesley Santos.

    Inauguração
    Quem passou pelo evento de inauguração da Praça da Paz na manhã de hoje conferiu os shows da Banda Furiosa do DF, do DJ Nagô e da Banda Batalá, além de receber uma das 300 mudas doadas pela Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil (Novacap).

    "Com isso [inauguração da Praça da Paz], esperamos deixar um legado para a nossa sociedade desfrutar e praticar esse valor", disse o diretor-regional da Rede Globo, Luiz Marcelo Pinheiro Chaves.

    O projeto Brasília Capital do Ipê é uma parceria entre o governo de Brasília, a Rede Globo, o Correio Braziliense e o Digital Group e foi fechada por meio de um termo de cooperação. Ao Executivo local cabe a cessão do lugar, a doação das mudas e a infraestrutura. Os meios de comunicação são responsáveis pela divulgação da iniciativa, e a Digital Group, pela elaboração da publicidade.

    "Esse é o início da manifestação viva do nosso projeto", comentou o diretor de Comercialização e Marketing do Correio Braziliense, Paulo César Oliveira Marques.

    Também participaram do evento o chefe da Casa Civil, Sérgio Sampaio; o chefe da Assessoria Internacional, Everton Lucero; a secretária do Esporte, Turismo e Lazer, Leila Barros; a secretária da Segurança Pública e da Paz Social, Márcia de Alencar Araújo; o secretário em exercício de Infraestrutura e Serviços Públicos, Maurício Canovas; a chefe de Comunicação Institucional e Interação Social, Vera Canfran; o secretário-adjunto de Turismo da Secretaria do Esporte, Turismo e Lazer, Jaime Recena; o diretor-presidente da Novacap, Hermes de Paula; o presidente da Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap), Júlio César de Azevedo Reis; o administrador do Plano Piloto; Marcos Pacco; e o administrador do Parque da Cidade, Alexandro Ribeiro.

    Corrida
    Antes das 8 horas, pessoas se aglomeravam para pegar os kits para a Corrida da Paz — que marcou o início do Circuito de Corrida de Rua de 2016. Foram cerca de mil corredores fazendo o percurso de 4,5 quilômetros, partindo do Estacionamento 7 do Parque da Cidade até a saída para o Sudoeste.

    Os três primeiros colocados nas categorias feminino e masculino ganharam troféu, assim como a primeira a cruzar a linha de chegada da categoria adaptada. Os demais que completaram a prova ganharam medalha de participação.

    O primeiro a chegar na categoria masculino foi Valdenor Pereira dos Santos, de 46 anos, que fez todo o trajeto em 14 minutos. O morador de Taguatinga contou que a motivação para participar do evento foi o tema. "Estamos precisando de paz. Eu vim para reivindicar isso."

    Quem chegava pegava água e um lanche. A Secretaria do Esporte, Turismo e Lazer organizou a estrutura com recursos próprios destinados ao circuito de corridas de rua no DF. O investimento foi de cerca de R$ 40 mil.

    Tranquilidade
    Foto de Fabiola Rodrigues Lima (Facebook)
    A praça foi construída baseada no formato do ideograma japonês da paz e tem uma escultura em formato de placa, com o desenho de 11 pombas e o nome do local. A peça, doada pelo artista plástico Igocleiton Aguiar Barbosa, de 36 anos, tem pouco mais de 2,5 metros de altura por 1,1 metro de largura e pesa 130 quilos.

    Mesmo antes da inauguração oficial, crianças e adultos faziam pose ao lado da placa. Os mais novos andavam de bicicleta enquanto os pais observavam dos bancos de madeira colocados no local.

    Alessandro Dantas, de 37 anos, aproveitou o espaço para esperar a esposa, que participou da corrida de inauguração da praça. Para ele, a palavra que define o lugar é tranquilidade. "Vai ficar ainda melhor quando os ipês crescerem". Ele estava acompanhado dos dois filhos, Matheus Fernandes, de 9 anos, e Miguel Fernandes, de 3. Os meninos garantiram que adoraram a Praça da Paz.

    A infraestrutura do ambiente, com calçada, bancos de madeira e canteiros de flores, ficou a cargo da Novacap, que utilizou recurso e mão de obra próprios. O investimento foi de cerca de R$ 8 mil.

    Temas e cores
    O projeto Brasília Capital do Ipê prevê a construção de quatro praças, com temas e cores de ipês diferentes. Em outubro, será inaugurada a segunda delas, a Praça da Cidadania, próximo ao Teatro Nacional, na área central do Plano Piloto, com 188 ipês-amarelos.

    As Praças do Respeito e do Amor estão previstas para 2017. A primeira, com 182 ipês-roxos, será perto da administração do Taguaparque, em Taguatinga. A outra, com 165 ipês-rosas, ficará na Quadra 3 de Sobradinho.


    Veja a galeria de fotos: https://goo.gl/FuMg00




    Por: Mariana Damaceno, da Agência Brasília - Foto: Gabriel Jabur/Agência Brasília

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    imagem-logo
    © Blog do CHIQUINHO DORNAS 2012/2016 Todos os direitos reservados.