• INÍCIO
  • CONTATO
  • MÍDIA KIT
  • ANUNCIE NO BLOG
  • COMENTÁRIOS
  • MAPA DO BLOG
  • segunda-feira, 30 de maio de 2016

    #TRÂNSITO » Dia de pedalar na floresta - (Evento do #Detran que marcou o encerramento do Maio Amarelo 2016)

    Integrantes de vários grupos percorreram 40km de trilha, na maior reserva ecológica do Distrito Federal

    Cerca de 800 ciclistas participam de um inusitado passeio pelas trilhas da Flona, em evento do Detran que marcou o encerramento do Maio Amarelo 2016. O movimento buscou a conscientização de motoristas e de quem anda sobre duas rodas
    Um grupo de 800 ciclistas participou ontem do 10º Encontro de Grupos de Ciclistas do DF e Entorno. Atletas profissionais e amadores deram largada às 8h20 e fizeram um percurso de 40 km em uma trilha na Floresta Nacional de Brasília (Flona), em Taguatinga. O Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran-DF) firmou uma parceria com os grupos organizadores do evento e prestou apoio aos ciclistas, em comemoração ao encerramento das atividades do Movimento Maio Amarelo 2016.

    Este ano, a campanha teve foco na conscientização sobre a segurança de ciclistas e motociclistas, os mais vulneráveis no trânsito, segundo o Detran-DF. Em apoio ao encontro dos ciclistas, a corporação ofereceu um café da manhã aos participantes, distribuiu material educativo e colocou uma caixa de som para animar os atletas.

    Os encontro de grupos de ciclistas do DF e Entorno começaram em agosto do ano passado e acontecem no último domingo de cada mês. Segundo um dos organizadores, o administrador André Silva, 37 anos, 62 turmas participam das pedaladas. “Cada encontro é organizado por um dos grupos. O de hoje (ontem) foi diferente porque todos participaram da organização”, afirmou.

    André disse ainda que as trilhas têm três objetivos principais: promover o ciclismo como forma de saúde, qualidade de vida e opção de lazer; aproximar os diversos grupos do DF e Entorno; e mostrar a força dessa união para o poder público, com o intuito de trazer mais visibilidade para quem pedala. “Precisamos de mais cuidado do governo, mais ações de conscientização, mais segurança para pedalar”, reivindicou.

    Incêndios

    Também integrante de um dos grupos organizadores, o jornalista Rômulo Júnior, 37 anos, afirmou que a escolha da Flona para a trilha não foi um acaso. “A seca começou e queremos também conscientizar a população sobre os cuidados que precisamos ter em regiões como essa, onde sempre acontecem muitos incêndios”, completa. Ele afirma ainda que os percursos dos encontros não costumam ser longos. “São inclusivos, queremos que os iniciantes consigam participar. Sempre fazemos em trilhas de nível médio de dificuldade”.

    O contador Rodrigo Diniz, 40 anos, o administrador Leonardo Diniz, 36, e os bancários Francisco Júnior, 40, e Deilly de Lima, 38, participaram do encontro pela primeira vez. Eles, que pedalam há cerca de três anos, saíram da casa de um deles em Taguatinga Norte e fizeram um percurso total de 50 km. “Achei ótimo o evento, bem organizado. É maravilhoso incentivar um meio de transporte sustentável, que ajuda no deslocamento urbano e faz bem para a saúde”, destacou Rodrigo.

    Leonardo mencionou ainda que gostou da parceria com o Detran. “Além da conscientização que eles promovem, o café da manhã saudável é superimportante antes desse tipo de atividade”, completou. Os amigos pretendem participar dos próximos encontros. “É ótimo pedalar em meio à natureza. O pedal é como nos renovamos para o início da semana e é meu antiestresse”, brincou Francisco. 

    A empresária Natiele Melo, 34 anos, pedala há dois anos e participou dos 10 encontros organizados pela união dos grupos de ciclistas. No caso de ontem, ela elogiou a organização. “É muito bacana, sempre bem organizado e com bastante gente pedalando junta, promovendo uma união saudável entre os grupos.”


    Fonte: Ailim Cabral – Fotoi: Ana Rayssa-Esp/CB/D.A.Press – Correio Braziliense 

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    imagem-logo
    © Blog do CHIQUINHO DORNAS 2012/2016 Todos os direitos reservados.