• INÍCIO
  • CONTATO
  • MÍDIA KIT
  • ANUNCIE NO BLOG
  • COMENTÁRIOS
  • MAPA DO BLOG
  • terça-feira, 12 de julho de 2016

    Bancos de leite precisam de doações com urgência

    Estoques que alimentam recém-nascidos internados operam no limite

    Os estoques dos Bancos de Leite do Distrito Federal - que alimentam os recém-nascido internados nos hospitais públicos - precisam receber doações com urgência. A coleta do alimento ficou abaixo do necessário durante o sexto mês do ano. Foram 1.1444,4 litros, enquanto o ideal é de, no mínimo, 1.500 litros. No acumulado do ano, o somatório atingiu 7.939 litros.

    "Em junho, o valor recolhido em relação ao ideal corresponde a 96,3% do valor mínimo esperado. Por isso, estamos precisando de uma ajuda das mães saudáveis, que estejam amamentando e possam contribuir com a doação", disse a coordenadora dos Bancos de Leite do Distrito Federal, Miriam Santos, ao informar que durante o mês 505 mães contribuíram e 750 bebês foram alimentados.

    DOAÇÃO – Para doar, basta ligar para o telefone 160, opção 4, e agendar para que o Corpo de Bombeiros Militar busque o alimento na casa da doadora. Uma nova opção criada pela Secretaria de Saúde é acessar o site do Amamenta Brasília para fazer o cadastro de doadora. Clique aqui e acesse a página

    Toda mãe saudável que estiver amamentando e com excesso de leite pode colaborar. A mulher precisa apenas ser "criteriosa e cuidadosa" para que o leite coletado não seja contaminado. A estratégia é usar um lenço ou uma touca no cabelo e uma máscara, além de higienizar bem as mãos e usar um frasco de vidro com tampa de plástico limpos. As doadoras também podem ter acesso ao kit completo nos bancos de leite. A doação de leite salva muitas vidas, não importa a quantidade doada. Há bebês que recebem um mililitro de leite a cada dieta.

    As mulheres que moram no Entorno podem entrar em contato diretamente com os hospitais da região. Em Águas Lindas o atendimento pode ser pelo Hospital de Brazlândia (HRBz); em Santo Antônio, no Hospital de Samambaia (HRSAM), e as moradoras de Planaltina de Goiás, pelo Hospital de Planaltina de Góias. Quanto às mães que são de Valparaíso de Goiás, Cidade Ocidental e até Luziânia poderão entrar em contato com o Hospital do Gama (HRG) ou Hospital de Santa Maria (HRSM).

    Cuidados:
    As mães que são doadoras devem observar alguns cuidados para coletar o leite:

    - Para armazenar o leite utilizar frasco de vidro com tampa de plástico
    - Colocar vidros e tampas numa panela e cobri-los com água
    - Ferver tudo por 15 minutos
    - Deixar vidros e tampas escorrerem sobre um pano limpo até secar. Fechar o vidro sem tocar na parte interna da tampa.
    - Colocar touca ou lenço para cobrir os cabelos.
    - Colocar fralda ou máscara sobre o nariz e a boca.
    - Lavar as mãos e braços até o cotovelo com sabão e água
    - Antes de iniciar a coleta, lavar as mamas apenas com água
    - Secar as mãos e as mamas com uma toalha limpa
    - Evitar conversar durante a retirada do leite
    - Retirar o leite quando as mamas estiverem muito cheias, antes ou depois das mamadas.



    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    imagem-logo
    © Blog do CHIQUINHO DORNAS 2012/2016 Todos os direitos reservados.