• INÍCIO
  • CONTATO
  • MÍDIA KIT
  • ANUNCIE NO BLOG
  • COMENTÁRIOS
  • MAPA DO BLOG
  • quarta-feira, 13 de julho de 2016

    Rollemberg anuncia R$ 5 milhões para edital Startups Brasília 2016

    O governador Rodrigo Rollemberg durante lançamento do edital Startups Brasília 2016 (Foto: Pedro Ventura/Agência Brasília)

    "Interessados têm até o dia 2 de agosto para enviar uma proposta. Cada contemplado vai receber até R$ 150 mil para desenvolver projeto."

    O governador Rodrigo Rollemberg anunciou investimento de R$ 5 milhões no edital Startups Brasília 2016 – seleção pública que dá apoio financeiro ao desenvolvimento de produtos e processos inovadores. Interessados têm até 2 de agosto para enviar uma proposta. O certame foi lançado na noite desta terça-feira (12). As regras foram publicadas no Diário Oficial do Distrito Federal e detalhadas na página da Fundação de Apoio à Pesquisa.

    A escolha será feita em duas etapas. Na primeira, é preciso entregar formulário preenchido e a apresentação da ideia inovadora em até cinco páginas ou vídeo de cinco minutos. Os selecionados para a segunda etapa terão de enviar um plano de negócios, com ações previstas para 12 meses. Cada contemplado receberá até R$ 150 mil para desenvolver o projeto.

    “Não há nada mais inovador do que convocar a juventude para, por meio de novas tecnologias, oferecer produtos e serviços melhores”, disse o governador Rodrigo Rollemberg. A proposta do Startups Brasília é selecionar projetos que transformem ideias inovadoras em empreendimentos sustentáveis e que incorporem novas tecnologias.

    “Buscamos formar um ambiente de inovação e empreendedorismo que estimule as pessoas a criar negócios, renda e empregos.” (Rodrigo Rollemberg)

    Podem participar do edital microempresas, empresas de pequeno porte e microempreendedores individuais com sede em Brasília e que atuem na área tecnológica. Até a data de contratação da proposta, é exigido que esses empreendimentos tenham pelo menos dois anos de existência. Pessoas físicas também podem se inscrever. Nesse caso, elas têm de ser sócias ou proprietárias de empresas emergentes na área e sediadas no DF.

    O edital dá prioridade a projetos para as áreas de administração pública; agronegócios; alimentação; biotecnologia; cidades saudáveis; educação; energia renovável; meio ambiente; mobilidade urbana; nanotecnologia; saúde e bem-estar; segurança pública; tecnologia da informação e comunicação; e tecnologia industrial básica. Na edição de 2015, 43 pessoas foram contempladas com R$ 200 mil cada uma.



    Do G1 DF

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    imagem-logo
    © Blog do CHIQUINHO DORNAS 2012/2016 Todos os direitos reservados.