• INÍCIO
  • CONTATO
  • MÍDIA KIT
  • ANUNCIE NO BLOG
  • COMENTÁRIOS
  • MAPA DO BLOG
  • sexta-feira, 5 de agosto de 2016

    Cerimônia olímpica é projetada na fonte luminosa da Torre de TV

    Público se reuniu para acompanhar a transmissão do evento no Maracanã, que marca a abertura dos Jogos do Rio-2016

    Enquanto milhares de pessoas ao redor do mundo assistem à abertura dos Jogos Olímpicos Rio 2016 de casa, um grupo de brasilienses se reuniu em frente à fonte luminosa da Torre de TV de Brasília, na noite desta sexta-feira (5/8), para assistir ao espetáculo. Food trucks, cadeirinhas de plástico e agasalhos preenchem um dos principais pontos turísticos da cidade e garantem aos turistas e moradores uma visão privilegiada do show.
    A ideia surgiu do administrador da Torre de TV, Paulo Junior. “É uma grande oportunidade de aproveitar o potencial do ponto turístico e deste momento único”, comentou. A Secretaria de Turismo do Distrito Federal aprovou a proposta e promete repetir a dose a partir do dia 13 — quando a capital da República deixará de sediar os torneios de futebol.
    “Queríamos transmitir os jogos da Seleção Brasileira. Mas, por uma questão de segurança, ficou decidido que faríamos a abertura da Olimpíada e, depois, os torneios noturnos em que os brasileiros lutarão pelas olimpíadas”, explicou o subsecretário de Promoção e Marketing da Secretaria de Turismo, Sandro Cunha.
    Um aparelho instalado no centro da fonte luminosa projeta, em uma tela formada pelos jatos de água, as imagens da cerimônia. Enquanto algumas pessoas se reuniam próximo à projeção para tentar ver o espetáculo, muitos outros se aglomeravam para jogar Pokémon GO.
    A jornalista Samara Correia, 27 anos, ficou sabendo do evento apenas no fim da tarde. “Não sabia se ia rolar de verdade, mas achei a proposta tão bacana que resolvi arriscar. Brasília tem muitos espaços vazios. Iniciativas assim são ótimas. Elas só precisam ser mais bem divulgadas”.

    Com seus três filhos, a dentista Ingrid Carvalho (foto), 38 anos, acompanha a transmissão do evento. Sentados em uma toalha no gramado, a família aproveitava a cerimônia. “Normalmente, assistimos a essas cerimônias em casa ou no bar. Achei a ideia muito legal”, disse. A fisioterapeuta Juliana Moraes, 38, foi a responsável por convidar a amiga. Ela também dividia o gramado ao lado das crianças.
    O governo reconheceu que faltou divulgação. No entanto, segundo Sandro Cunha isso ocorreu porque o evento foi organizado ainda hoje. Para os próximos, a Secretaria de Turismo garantiu mais propaganda.

    Fonte: Leticia Carvalho – Fotos: Michael Melo – Metrópoles 

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    imagem-logo
    © Blog do CHIQUINHO DORNAS 2012/2016 Todos os direitos reservados.