• INÍCIO
  • CONTATO
  • MÍDIA KIT
  • ANUNCIE NO BLOG
  • COMENTÁRIOS
  • MAPA DO BLOG
  • segunda-feira, 17 de outubro de 2016

    #FENÔMENO » Superlua ilumina a capital

    (Foto: Carlos Vieira-CB)

    "Ontem, na Praça dos Três Poderes, o visual deixou brasilienses e turistas encantados. A lua estava inesquecível"

    Às 19h53 da noite de ontem, a Praça dos Três Poderes foi iluminada por uma lua cheia que parecia maior que o comum. Inaê Quirino, 36, antropóloga, fez questão de levar os quatro filhos, Lis, 12, Pablo, 9, Felipe, 5, e Marina, 1 ano e 11 meses, para ver o fenômeno da superlua. Ele ocorre quando a lua cheia ocorre próxima do perigeu, que é o ponto mais próximo que ela atinge em relação à Terra. “Eu acho que, de alguma forma, a lua me influencia, como faz com a maré. Eu já tinha vindo aqui ver uma lua cheia antes e estava querendo trazê-los algum dia”, afirma Inaê.

    A família chegou à Praça dos Três poderes cerca de 50 minutos antes do horário previsto para a chegada da grande estrela da noite. As crianças não se continham de ansiedade. Pablo fantasiou que, quando ela aparecesse, seria dia novamente. A imaginação fértil não impediu que ele admirasse a lua do jeito que estava: amarela e enorme, levantando-se pouco a pouco no céu. “Minha irmã (Lis) disse que era momento de pensar positivo, então estou fazendo isso”, conta.

    Não foi só por causa da superlua que o satélite parecia maior. Ela fica, de fato, mais próxima do horizonte quando ocorre um efeito extra de ampliação. De acordo com o Observatório Astronômico de Lisboa (OAL), é normal ver a lua cheia próxima à linha do horizonte muito maior do que quando se encontra mais alta no céu noturno. “Esse efeito não é óptico, mas apenas cerebral, ou seja, é o cérebro humano que cria a ‘imagem fictícia’ de uma lua enorme”, diz o comunicado.

    O casal de namorados Andrea Carvalho, 32, e Tainã, 30, também esteve na praça do Três Poderes para ver o fenômeno. Andrea é muito ligada em signos e no estudo dos astros e acredita no poder das vibrações. Na astrologia, a versão cheia do satélite representa o signo de áries (oposto complementar do signo de quem faz aniversário hoje, libra) e seria uma lua que favorece a finalização de projetos. “Para mim, parece que já está dando certo, porque eu estou para entregar um trabalho há um mês e hoje consegui passar o dia concentrada nele”, relata Andrea.

    CURIOSIDADES
    Até o fim de 2016, todas as luas cheias — a que ocorreu ontem, e a dos dias 14 de novembro e 14 de dezembro — serão superluas. Apesar de o fenômeno se repetir, o clima vai ter de ser de surpresa, pois, segundo especialistas, nem todas terão o mesmo tamanho e brilho. Estima-se que no perigeu, a lua parece cerca de 14% maior e fica aproximadamente 30% mais brilhante, se comparada a uma lua cheia normal. O ideal é vê-la no momento em que está nascendo, porque, na linha do horizonte, é quando ela parece maior.


    Por:Renata Rusky – Foto: Carlos Vieira/CB/D.A.Press – Correio Braziliense 

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    imagem-logo
    © Blog do CHIQUINHO DORNAS 2012/2016 Todos os direitos reservados.