• INÍCIO
  • CONTATO
  • MÍDIA KIT
  • ANUNCIE NO BLOG
  • COMENTÁRIOS
  • MAPA DO BLOG
  • sábado, 17 de dezembro de 2016

    #Rollemberg garante salários pagos em dia

                  O governador também afirmou que o DF terá bilhete único até fevereiro

    O governador Rodrigo Rollemberg afirmou que encerrará o ano com os salários de todos os servidores públicos “rigorosamente em dia”. Inclusive o 13º. O chefe do Executivo local apresentou ontem um balanço de gastos e investimentos deste ano, o segundo de seu mandato, na tribuna de honra do Estádio Mané Garrincha. No evento, ele reforçou que o GDF caminha “em direção a um equilíbrio econômico e financeiro” e comemorou a redução do rombo nas contas.

    Apesar disso, o DF fechará 2016 no vermelho, com deficit de R$ 1,5 bilhão, equivalente à metade dos R$ 3 bilhões devidos em 2015. “Ao contrário de muitos estados brasileiros, como Rio de Janeiro, Minas Gerais e Rio Grande do Sul, que não estão pagando em dia, parcelam salários e têm dificuldades para pagar o 13°, Brasília encerrará 2016 com todos os servidores públicos com seus salários rigorosamente em dia. E com recebimento do 13º.”

    Na apresentação, Rollemberg acrescentou que o GDF tem aumentado a arrecadação e que contará com o dinheiro do IPTU e do IPVA para pagar os reajustes dos servidores a partir de março do próximo ano. Porém, destacou que não pretende, a princípio, discutir novos aumentos. O governador ressaltou a necessidade de atrair investidores para elevar a entrada de dinheiro. “São os investimentos que fazem a economia crescer, contribuem com a geração de empregos e com o aumento do consumo por parte da população”, explicou.

    O chefe do Executivo também contou que avaliará o orçamento aprovado pela Câmara e ressaltou a necessidade de se respeitar a Lei de Responsabilidade Fiscal. “Tínhamos um orçamento muito justo, apertado. Portanto, temos de analisar com cuidado todas as alterações propostas.” O governador anunciou que, para solucionar o arrocho financeiro, negocia um empréstimo de R$ 600 milhões, que, segundo ele, está “autorizado pelo Banco do Brasil”.

    Transporte
    Rollemberg anunciou a implementação do bilhete único até fevereiro do próximo ano. A medida permitirá aos usuários de ônibus e metrô o pagamento de uma passagem para o uso de duas linhas, por exemplo. Além disso, ele reforçou que intensificará o processo de regularização dos puxadinhos nas asas Sul e Norte. Por fim, comentou o resultado das eleições para a Presidência da Câmara, vencida pelo distrital Joe Valle (PDT). Questionado se o triunfo do parlamentar havia representado uma derrota para o GDF, ele se limitou a dizer que o distrital “faz parte da base”.



    Por: Douglas Carvalho - Especial para o Correio Braziliense -Foto: André Borges – Agência Brasília

    Um comentário:

    1. Os pagamentos não estão em dia. As horas extras de Agosto, Setembro, Outubro estão atrasadas.

      ResponderExcluir

    imagem-logo
    © Blog do CHIQUINHO DORNAS 2012/2016 Todos os direitos reservados.