• INÍCIO
  • CONTATO
  • MÍDIA KIT
  • ANUNCIE NO BLOG
  • COMENTÁRIOS
  • MAPA DO BLOG
  • sábado, 21 de janeiro de 2017

    Juiz Moro, um dos primeiros a chegar ao velório, diz que Teori foi um herói

                          Emocionado, Moro teve dificuldade para falar aos jornalistas

    O juiz federal Sérgio Moro, responsável por julgar os processos da Lava-Jato na primeira instância, foi uma das primeiras autoridades do meio jurídico a visitar o velório do ministro Teori Zavascki do Supremo Tribunal Federal (STF) neste sábado em Porto Alegre. Em breve declaração à imprensa, disse Moro: “Pela relevância, importância dos serviços que ele prestava, pela situação difícil desses processos, ele foi um verdadeiro herói. Há uma grande desolação da magistratura”- declarou Moro.
    Assim como colegas de Teori no Supremo, o juiz Sérgio Moro, responsável pela Operação Lava-Jato, antecipou a volta das férias para ir a Porto Alegre. Moro e o desembargador João Pedro Gebran Neto chegaram ao velório por volta das 10h. O presidente Michel Temer deve chegar ao velório no fim da tarde.
    O corpo de Teori é velado no plenário do TRF-4, prédio que ele inaugurou em 2002 quando presidiu o órgão. O local do velório foi um pedido da família Zavascki. Embora tenha nascido em Faxinal dos Guedes (SC), o ministro do STF fez carreira e formou sua família na capital gaúcha.
    VAGA NO SUPREMO – O juiz foi questionado sobre a campanha feita na internet para que ele seja indicado à vaga de Teori para o Supremo, mas disse que não iria responder perguntas. “Foi uma perda muito grande para a magistratura, e a vida continua” – concluiu o juiz.

    O corpo do ministro é velado desde as 9h deste sábado na sede do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), em Porto Alegre. Pela manhã, a cerimônia foi reservada para amigos e familiares. O velório foi aberto ao público, a partir das 11h. O sepultamento está marcado para as 18h no Cemitério Jardim da Paz, também na capital gaúcha. Diversas autoridades devem prestar sua última homenagem ao ministro.
    A presidente do STF, Carmen Lúcia, chegou a Porto Alegre no fim da tarde de sexta e se reuniu com os filhos de Teori. A presidente do STF aguardou a chegada do corpo de Teori ao lado da família do ministro na Base Aérea de Canoas, na região metropolitana de Porto Alegre.
    ***
    NOTA DA REDAÇÃO DO BLOG – Como todo juiz, Zavascky também teve altos e baixos. Seu voto a favor da tese de que não houve formação de quadrilha no Mensalão aliviou a barra dos condenados, não há a menor dúvida. Foi seu maior erro. E o grande acerto, que a Justiça brasileira ficará devendo a ele, foi ter sido relator das ações que levaram à prisão obrigatória dos condenados em segunda instância. Esse acerto colossal apaga todas as possíveis falhas em sua biografia, é isso que interessa. (C.N.)

    Tiago Dantas - O Globo – Tribuna da Internet

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    imagem-logo
    © Blog do CHIQUINHO DORNAS 2012/2016 Todos os direitos reservados.