• INÍCIO
  • CONTATO
  • MÍDIA KIT
  • ANUNCIE NO BLOG
  • COMENTÁRIOS
  • MAPA DO BLOG
  • domingo, 26 de junho de 2016

    #BrasíliaCidadã - (Do que a gente mais precisa...)

    Do que a gente mais precisa
    Ilda Peliz
    Leila Gomes de Barros
    Diante de tudo o que vimos presenciando por este Brasil afora, a palavra carência, em todos os sentidos, toma conta da cabeça da gente e, impotentes, temos que assistir à falta de tudo, inclusive de solução para reverter um quadro de pobreza, fome, carência.

    Acostumados à prática do trabalho voluntário e social, desde adolescentes, deparamos, com frequência, com pessoas que gostariam muito de ajudar, mas não sabem como. Aquilo que, para nós, é corriqueiro e faz parte do nosso dia a dia, para essas pessoas é um empecilho para que possam exercitar o prazer de ajudar ao próximo.

    Pensando nisso e querendo abrir as portas para que as pessoas recebam uma ferramenta eficaz para o sucesso de qualquer obra social, Márcia Rollemberg apresentou, na terça-feira (21), no Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha, o Portal do Voluntariado, mostrando aos convidados o site criado especialmente para essa finalidade. O governador Rodrigo Rollemberg esteve presente, além de representantes de diversas áreas do governo de Brasília e de projetos sociais, parlamentares e a atriz e apresentadora Maria Paula, incentivadora do Portal do Voluntariado.

    A ferramenta, desenvolvida pelo Executivo local, cruzará informações entre voluntários e instituições que precisam de ajuda, encurtando os caminhos e tornando mais eficaz esse trabalho, tão importante para a comunidade.

    O portal se abre para pessoas interessadas em desenvolver algum trabalho voluntário, que terão o contato facilitado com instituições que precisam de ajuda, cruzando informações entre quem tem vontade de colaborar em atividades sociais, com as de organizações (governamentais ou não) que desenvolvem esse tipo de trabalho.

    “Fazer o bem é reunir as capacidades, as potencialidades das pessoas; temos uma sociedade muito solidária, muito generosa, que, muitas vezes, quer ajudar e não sabe como”, destacou o chefe do Executivo. “O objetivo desse portal é receber essas solicitações e orientar a pessoa para onde ela pode ajudar numa determinada política pública”, completou o governador.

    A nova ferramenta funciona como uma rede social para conectar perfis de interesse com oportunidades de serviços voluntários. “É conectar capacidades e oportunidades, fazendo dessa rede um espaço de encontro e de estímulo à participação, ao controle social e à promoção da cidadania”, explicou Márcia Rollemberg, que fez a apresentação do portal.

    Depois de receberem todas as informações sobre projetos de voluntariado, além de informações, diversos computadores estavam à disposição dos interessados em já se cadastrar no portal. Foi o que fez o autônomo Genival dos Santos, de 24 anos. “Eu gosto de fazer trabalho voluntário. Vou aproveitar agora o período de férias e fazer alguma coisa para a comunidade”, disse ele, que mora em Ceilândia, cursa letras e direito, e já participou de ações desse tipo na Copa do Mundo de 2014.

    Larissa Bezerra representou a Rede Feminina de Combate ao Câncer de Brasília, destacando o sentimento do voluntariado. “Estamos aqui completamente para somar. Não é só doar dinheiro, é doar uma ação, uma semente para um plantio melhor.”

    Uma das iniciativas foi apresentada pela secretária do Esporte, Turismo e Lazer, Leila Barros. O voluntariado para a Olimpíada, em áreas como mobilidade e sustentabilidade. O tema foi destacado

    O Portal do Voluntariado faz parte das atividades que vão compor o programa Brasília Cidadã, a ser lançado no segundo semestre de 2016. O objetivo é identificar e reunir atividades promovidas por vários órgãos em um só programa, além de estimular, divulgar, valorizar e reconhecer as diferentes instâncias de participação e o controle social da população.

    Entre as ações de participação popular que têm sido desenvolvidas pelo governo de Brasília estão a Roda de Conversa, o Voz Ativa, audiências e consultas públicas e redes de ouvidoria.

    Informações sobre o Portal do Voluntariado: 3312-9943, das 9h às 12h e das 14h às 18h, de segunda a sexta-feira, ou pelo portaldovoluntariado@df.gov.br

    Coisa boa. Vamos arregaçar as mangas e trabalhar. A capital da república só tem a ganhar.


    Por: Jane Godoy – Coluna 360 Graus – Correio Braziliense

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    imagem-logo
    © Blog do CHIQUINHO DORNAS 2012/2016 Todos os direitos reservados.