• INÍCIO
  • CONTATO
  • MÍDIA KIT
  • ANUNCIE NO BLOG
  • COMENTÁRIOS
  • MAPA DO BLOG
  • quarta-feira, 11 de novembro de 2015

    GDF e Sindicato dos Professores chegam a um acordo

    Após duas horas e meia de reunião no Palácio do Buriti, o GDF enfim se entendeu com o Sindicato dos Professores do Distrito Federal (Sinpro-DF). O acordo saiu após o Executivo ceder em dois pontos: rever a questão da multa diária de R$ 400 mil aplicada à entidade durante a paralisação e a reposição do calendário. Um documento será formulado para discussão na assembleia dos docentes nesta quinta-feira (12) na Praça do Buriti.
    Para chegar ao entendimento, o governador Rodrigo Rollemberg (PSB) recorreu a uma força tarefa com integrantes da sociedade civil. A “parceria” envolveu, além do governo, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), a Universidade de Brasília (UnB), cinco deputados distritais e a federal Érika Kokay (PT-DF).
    A harmonia entre o governo e os grevistas acontece 28 dias após o início da paralisação. Nesse período, o DF viveu em uma zona de turbulência: alunos sem aula, pauta obstruída na Câmara Legislativa e até uma queda no primeiro escalão. O até então secretário da Segurança Pública e da Paz Social, Arthur Trindade, pediu exoneração após ação da Polícia Militar que resultou na prisão de alguns professores há duas semanas.

    Por: Guilherme Pera – CB.Poder – Foto/Ilustração: Blog - Google

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    imagem-logo
    © Blog do CHIQUINHO DORNAS 2012/2016 Todos os direitos reservados.