• INÍCIO
  • CONTATO
  • MÍDIA KIT
  • ANUNCIE NO BLOG
  • COMENTÁRIOS
  • MAPA DO BLOG
  • quinta-feira, 4 de fevereiro de 2016

    Obras no Bragueto recomeçam (As construções na Saída Norte incluem a terceira pista no trecho Torto-Colorado e a instalação do trevo de triagem norte)

    Rodrigo Rollemberg reuniu-se com senadores para conseguir a prorrogação do prazo para acordo com o BID

    BNDES libera R$ 146 milhões para reestruturação da Saída Norte, que estava parada desde 2014 por falta de verba e agora deve durar dois anos e meio. Enquanto isso, Senado prorroga prazo para acordo com o BID a fim de modernizar a Secretaria de Fazenda

    Sem dinheiro em caixa, o governo local conseguiu a autorização para captar dois empréstimos milionários para investimentos. No mesmo dia em que o Banco Nacional de Desenvolvimento (BNDES) liberou R$ 146 milhões para obras na Saída Norte do DF, o Senado Federal prorrogou o prazo para o GDF fechar um acordo com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e garantiu R$ 130 milhões para o Executivo local modernizar a Secretaria de Fazenda.

    No caso do BID, em setembro de 2014, o GDF conseguiu o financiamento para realização do Programa de Desenvolvimento Fazendário do DF (Prodefaz). O prazo para captar o empréstimo venceria em 20 de fevereiro, mas, com a prorrogação de 180 dias aprovada no Senado Federal, o acordo está garantido e deverá sair até o próximo mês. O governador Rodrigo Rollemberg esteve em reunião com os líderes partidários na Casa na terça-feira e pediu que o projeto fosse incluído em regime de urgência.

    Já as obras na Saída Norte estavam paradas desde o fim de 2014 à espera dos recursos. Agora, o diretor-geral do Departamento de Estradas de Rodagem (DER-DF), Henrique Luduvice, garante que, com o empréstimo liberado pelo BNDES, neste ano as obras devem ser retomadas. “A instituição estabeleceu algumas condições, que serão cumpridas, para podermos reiniciar os trabalhos. São apenas questões burocráticas, documentações que serão alcançadas o mais rápido possível”, assegura.

    As construções na Saída Norte incluem a terceira pista no trecho Torto-Colorado e a instalação do trevo de triagem norte. As obras começaram no segundo semestre de 2014, último período da gestão Agnelo Queiroz (PT), mas acabaram interrompidas em dezembro daquele ano por falta de verba. Segundo o GDF, cerca de 100 mil motoristas passam pela região todos os dias, em especial moradores de Planaltina e Sobradinho.

    Custo
    O projeto prevê 23 intervenções, entre pontes e viadutos. No fim das obras, previsto para dois anos e meio após o reinício dos trabalhos, o local contará com duas ligações marginais à da Ponte Bragueto, que passará por uma restauração. As intervenções vão custar cerca de R$ 190 milhões. O GDF vai entrar com a diferença. Desse montante, cerca de R$ 79 milhões serão investidos no trevo de triagem norte; R$ 72 milhões na nova pista; e R$ 7 milhões para contratação de uma empresa que auxiliará o DER na supervisão das obras.

    O trevo de triagem norte inclui 12 obras. Um conjunto de viadutos ajudará no fluxo de veículos que saem da Região Norte em direção ao Plano Piloto. Além disso, a pista que ligará a Granja do Torto ao Colorado terá seis novas faixas, três no sentido Sul e três no sentido Norte. A expectativa é que o trânsito na região seja desafogado de maneira significativa. Em horários de pico, o congestionamento chega a alcançar 25km atualmente. Um trecho que geralmente leva 20 minutos para ser percorrido chega a durar mais de duas horas. No fim do dia, o engarrafamento devido à ponte começa na 210 Norte.


    Fonte: Matheus Teixeira – Guilherme Pera – Foto: Marcelo Ferreira/CB/D.A.Press – Correio Braziliense

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    imagem-logo
    © Blog do CHIQUINHO DORNAS 2012/2016 Todos os direitos reservados.